Schwing Stetter

40 anos

Auto Bombas para Concreto SCHWING em operação em um dos maiores canteiros de obras do mundo

Enviado em: 13/11/2013 às 16:11:49

Com uma frequência anual de cerca de 14.000 navios, o Canal do Panamá é uma das vias mais importantes do mundo. Tanto do lado atlântico como do lado pacífico, as eclusas já existentes estão sendo aumentada em três instalações cada uma com três reservatórios por câmara. As câmaras abrangem 55m de largura, 427m de comprimento e uma profundidade de até 18,30m, tendo, portanto quase o dobro do tamanho das antigas. Além disso, as vias navegáveis no Lago Gatún serão alargadas e aprofundadas. Desta forma, no futuro poderão passas neste canal navios de classe Post-Panamax, transatlânticos de ate 427metros de comprimento e 55 metros de largura carregados com mais de 10.000 contêineres.

Independente de altura, largura ou profundidade, a autobomba SCHWING S 58 SX demonstra suas forças em operações contínuas dessa envergadura.

Nos trabalhos de ampliação do Canal do Panamá nas câmaras de eclusa de Gatún, a colocação de concreto desempenha um papel decisivo. Aqui, o padrão é o trabalho durante quase 24 horas por dia, sete dias por semana. Traços grossos e elevadas temperaturas são apenas uma parte dos desafios que as quatro Auto Bombas para Concreto SCHWING enfrentam neste gigantesco projeto, no qual terão sido aplicados mais de 6 milhões de m³ de concreto quando da conclusão dos trabalhos.

O canal, hoje em dia, tem dois canais de acesso, dispondo cada um das suas próprias eclusas. No âmbito do projeto de ampliação, será acrescentado um terceiro em ambas as extremidades do canal. Cada um destes novos sistemas de eclusas sucessivas com ajuda das quais os navios serão elevados do nível da água do mar para o nível de um grande lago artificial, que constitui uma grande parte do Canal do Panamá. As novas eclusas e respectivos reservatórios, no total 18, são enchidos e esvaziados por força gravitacional da água; não são utilizadas bombas.

Na construção de novas eclusas, são utilizadas duas misturas diferentes de concreto: Concrete Marinho Estrutural ( Structural Marine Concrete – SMC) e um concreto massa ( Interior Mass Concrete – IMC ). Um elemento de concreto típico tem um núcleo IMC e uma camada SMC por cima. A camada SMC tem 61 cm de espessura; a espessura do núcleo IMC varia. Um monólito da parede das eclusas tem 18 m de largura, 30 m de altura e 29 m de comprimento. Em cada monólito da parede existem dois canais de circulação com 6 m de altura, dentro dos quais a água escoa e flui. Para cada monólito foram necessárias 210 t de aço de armadura e 2.600 m³ de concreto. Para uma câmara de eclusa são necessários, no total, cerca de cinquenta destes elementos de concreto massivo.

Na construção da instalação de eclusas foram utilizadas quatro Auto Bombas para Concreto da SCHWING: uma S 32 X, duas S 52 SX e uma S 58 SX. Segundo Jorge Puello Echeverri, responsável da GUPC pela monitoração dos trabalhos em concreto, “todas as bombas funcionam perfeitamente”. As bombas para concreto de longo alcance estão equipadas com bateria para P 2525. A capacidade de bombeamento dos cilindros das bombas é suportada pela tremonha estendida da Válvula Big-Rock; para quais agregados com partículas de 38 a 76 mm de tamanhos utilizados em algumas misturas não apresenta qualquer problema.

Apesar da enorme extensão do projeto, as condições no local são restritas. Por isso, é vantajoso o fato de as bombas para concreto de longo alcance SCHWING S 52 SX e SCHWING S 58 SX serem especialmente adequadas para a rápida montagem em condições de espaço limitadas. Seus suportes SX podem avançar em torno de obstáculos e, para máquinas deste tamanho, têm uma largura entre apoios reduzida.

As centrais para concreto neste canteiro de obras estão equipadas com sistemas de resfriamento especiais, com as quais é regulado o calor que surge durante a cura do concreto. As temperaturas ambientes médias são de cerca de 30 graus C, sendo que o concreto deve apresentar uma temperatura entre 9 e 12 graus C no momento da colocação. Para este fim, os depósitos de reserva dos agregados são protegidos com uma tela de cobertura contra radiação solar. A areia e as pedras são resfriadas com água. No transportador principal é adicionado gelo ao traço para que ele permaneça resfriado durante o transporte posterior.

“Em um megaprojeto como esse, a versatilidade da bomba é decisiva, refere Echeverri,“ “os mastros de distribuição de cinco seções da SCHWING S 52 SX dispõem da cinemática necessária para alcançar todos os pontos pretendidos.” A construção com um sistema de carretel e junta articulada de 270 graus no último segmento do mastro asseguram a máxima flexibilidade e excelentes propriedades de inserção, especialmente em combinação com o ângulo de abertura de 175 graus da junta articulada da base. Além disso, permite aos operadores da lança colocá-la diretamente na posição de trabalho sem precisar girá-la.

Todas as Auto Bombas para concreto SCHWING estão equipadas com um controle Vector, que informa continuamente o operador sobre os estados de funcionamento do equipamento. Ao mesmo tempo, monitora as horas de serviço da bomba e do mastro, número e frequência de cursos, bem como volume da bomba. Estes dados são automaticamente salvos e podem ser facilmente solicitados para análise. “Deste modo, graças aos dados que nos são disponibilizados, podemos planejar os trabalhos de manutenção necessários”, explica Echeverri. “O controle Vector é a minha mão direita no primeiro diagnóstico”

Duas Auto Bombas para Concreto de longo alcance SCHWING S 52 SX, com mastro de distribuição RZ de 5 seções em utilização paralela: colocadas de modo otimizado graças ao suporte SX em arco, apesar das condições de espaço restritas.

No ambiente de trabalho severo e exigente na construção do Canal do Panamá, onde chove quase constantemente e um processo de concretagem pode significar uma operação contínua de 24 horas, Echeverri sente enorme satisfação em poder enfrentar estas circunstâncias com funcionários magníficos e equipamentos confiáveis.

Fonte: www.cpi-worldwide.com

Duas unidades da Auto Bomba para Concreto SCHWING S 58 SX se encontram em operação no Brasil desde o ano passado, trabalhando em obras como o Projeto Ilha Pura (Vila dos Atletas) no Rio de Janeiro e a Construção do Shopping Vila Velha no Espírito Santo.

SCHWING S 58 SX Kaiobá no Projeto Ilha Pura (Vila dos Atletas)

SCHWING S 58 SX Kaiobá na Construção do Shopping Vila Velha no Espírito Santo

SCHWING S 58 SX Villa

Enviado por Schwing |
© Copyright SCHWING-Stetter Brasil 2017
Rod. Fernão Dias, km 56 - Terra Preta - Mairiporã - SP - Brasil - CEP: 07600-000
Tel.: 55 11 4486-8500 | Fax.: 55 11 4486-1227 / 1344
desenvolvido por Geosfera